Eu amei a Cidade do Cabo!


  Cidade do Cabo, África do Sul

Voltei há poucos dias de Cape Town encantada! Não tem como não se apaixonar por essa linda cidade litorânea da pontinha inferior da África.

Cheia de atrações turísticas para quem curte aventuras radicais, praias, montanhas, gastronomia, bons vinhos, flora, fauna, ou até mesmo assuntos étnicos e culturais, essa viagem superou minha expectativa. 

RUTECN  adicionou foto de Cidade do Cabo,África do Sul Foto 1

Aproveitamos, eu e uma amiga, uma promoção da Angola Airlines e... Vixe! Os aviões são novos, os comissários gentis, mas fazer conexão em Luanda... Imagine ficar horas em salões abafados e quentes, sem ar condicionado (se tinha, estava desligado) e sem possibilidade de dar uma saidinha. Mas, às vezes vale a pena esse sacrifício.

Alugamos um carro automático na Hertz (para mim, a melhor locadora) pra facilitar, já qie a mão é inglesa. Saí do aeroporto comendo a faixa amarela da esquerda e ralando o pneu no acostamento, mas logo percebi que bastava me posicionar mais próximo da faixa da direita e controlar pelos retrovisores a distância ideal. Embora as estradas e ruas sejam bem sinalizadas, o que nos norteou todos os trajetos e sem erro foi o programa off line Here we Go (dowload gratuito da internet), que avisava até quando passávamos da velocidade permitida e da presença de radar adiante. Não comprei chip e nem fez falta.

Os mais importantes pontos turísticos estão ricamente relatados na internet; por isso, quero expor principalmente detalhes que me chamaram a atenção e que podem ajudar na hora de fazer as malas e na elaboração do roteiro.

RUTECN  adicionou foto de Cidade do Cabo,África do Sul Foto 2

- Para ir do aeroporto ao hotel e vice-versa de táxi ou uber, tente negociar o preço antes. Mesmo os taxistas podem oferecer descontos se perceberem que você está tentando chamar o uber.

- Os motoristas são educados e cedem espaço quando um carro dá sinal de mudança de faixa (você só consegue virar uma esquina ou rodovia se estiver na faixa lateral correspondente). E todos param em faixas de pedestre onde não há semáforo.

- Troque só uns quinhentos dólares, inicialmente, se estiver com o hotel pago, por exemplo, para dez dias. Um bom jantar com vinho para uma pessoa sai em torno de 350 rands, e se faltar você vai encontrar muitas casas de câmbio na cidade. 

- Quanto à segurança, andei pelo centro da cidade, fui a Bo Kaap, ao Green Market, ao Waterfront, e em nenhum momento me senti insegura. Em Joanesburgo requer mais cuidado. Para nós, brasileiros, não é novidade evitar andar sozinho à noite em áreas de pouco movimento, né.

- As pessoas esperam receber gorjeta por qualquer ajuda prestada; por isso, fique esperto e prefira pedir informações aos policiais. 

- É bom conhecer a Table Mountain logo, pois o tempo pode fechar e as visitas também. Se estiver de carro, vá cedo para achar vaga no estacionamento à esquerda bem no início da Tafelberg Road. Há um serviço de transporte MyCiTi gratuito até o teleférico a partir das 7 horas. O ônibus Sightseeing já o deixa no teleférico. 

- Lá, o clima oscila muito de um dia para o outro (segundo os moradores, é assim o ano todo). Quase todos os dias venta forte e frio, constrangendo as mulheres de saia e surpreendendo aqueles que saem sem casaco.   

- Vale a pena contratar uma agência por meio dia e visitar a periferia. Você entra nos barracos e invade sua privacidade; então, que tal levar alguma guloseima para agradar as crianças?

RUTECN  adicionou foto de Cidade do Cabo,África do Sul Foto 3

- Em todos os lugares há inúmeras barracas de artes regionais. Nelas, os preços são negociáveis, mas é bom lembrar das condições em que essa gente vive na hora de pechinchar.

- Um passeio que adorei foi o de barco em Hermanus, a 120 km, para ver as baleias. Reservei um horário matutino e tivemos sorte de ver muitas delas. Uma brasileira que conheci na volta e fez o passeio com tubarões disse que um deles enfiou o focinho na gaiola e ficou preso, causando pânico no pessoal. Bem, não sou adepta a esse tipo de aventura, rss.

- Se estiver de carro e pegar a estrada, não vá com pouco combustível, pois não se vê quase postos pelo caminho.

- O melhor lugar para ver pinguins é no Stony Point Nature Reserve, em Betty’s Bay, onde há a maior concentração desses animais e a entrada custa apenas 25 rands, ao passo que no Boulders Beach é 70 rands.

RUTECN  adicionou foto de Cidade do Cabo,África do Sul Foto 4

- Não deixe de experimentar o biltong, uma carne seca e curada vendida em pacotes nos supermercados ou, melhor, a granel no Food Market do Waterfront.

- Um restaurante interessante pertinho do GreenMarket é o Addis in Cape Ethiopian. Você come com as mãos pegando uma porção da comida com uma massa tipo de panqueca. O combo para duas pessoas sai por 330 rands.

- Jantamos uma noite no Gold, mas não foi o que esperávamos, tanto na comida quanto no show que é só de tambores. E ouvi bons comentários do Mama Africa.

- Os restaurantes emitem a nota da despesa com a conta integral e acrescentam os 10% à parte; fica a critério do cliente dar a gorjeta, e o valor total deve ser anotado e assinado.

Infelizmente, não visitei as vinícolas porque estava dirigindo. Como disse antes, é tanto lugar pra conhecer e ainda tinha deixado o V&A Waterfront pra explorar depois de Joburg. Quem sabe um dia ainda volto lá.

- - - -

Se você curtiu esse texto, ficaria extremamente feliz se pudesse dar um nele aí embaixo ou compartilhar com seus amigos!

COMENTÁRIOS:

Sua viagem tão sonhada planejada por um Expert de viagem

O Instaviagem.com é uma agência online especializada em planejar roteiros 100% personalizados e feitos sob medida para cada viajante. Você preenche um questionário informando todas as suas preferências e orçamento e recebe uma consultoria de um verdadeiro viajante profissional!

Veja opções de roteiros personalizados para Cidade do Cabo, África do Sul,

PLANEJAR MINHA VIAGEM

Recomendamos para você:

Viajantes também leram:

SUA VIAGEM COMEÇA AQUI

Dubbi é um novo espaço para que pessoas incríveis que amam viajar possam interagir, se ajudar e compartilhar suas histórias e dicas de viagem.

Junte-se a nossa incrível comunidade de +35.000 de viajantes experts do Dubbi.