Quer comer bem? Vá ao Espírito Santo e a um de seus festivais gastronômicos


  Espírito Santo  2687 visualizações

Quem já visitou o Espírito Santo concorda: o Estado pega o visitante pela boca. Com uma cultura culinária única, resultado da fusão de tradições portuguesas, africanas e indígenas com sabores trazidos por italianos e alemães, o Espírito Santo oferece um gostinho da cozinha local logo na primeira visita, num prato de moqueca capixaba.

Mateus Souza adicionou foto de Espírito Santo Foto 1

Foto: Divulgação/SETUR-ES/Jefferson Pancieri

Aliás, quer ofender um capixaba? Fale que a moqueca de outro Estado é melhor. Eles aprendem desde o berço a seguinte frase: “Moqueca, só capixaba, o resto é peixada”. E, cá entre nós, a moqueca de lá é realmente deliciosa.

Nunca comeu? Moqueca é uma espécie de ensopado com frutos do mar, legumes e vegetais, cujo cozimento em panelas de barro --que dão um gosto todo especial ao prato-- é feito sem água. Há muitas variações no preparo, mas a moqueca capixaba é diferente por não receber azeite de dendê nem leite de coco.

Eu diria que é quase impossível um restaurante no Espírito Santo não anunciar com letras garrafais possuir “a melhor moqueca do Estado”. Como não dá para experimentar todas de uma só vez, a recomendação é provar o maior número que o estômago (e o bolso) permitirem.

Mateus Souza adicionou foto de Espírito Santo Foto 2

Divulgação/Restaurante Berro D´Água

O Dennis Carlotti, de São Paulo, foi a mais de um restaurante em Vitória e gostou de todos. “O Berro D’Água já ganhou o prêmio de melhor moqueca da Grande Vitória. Outras boas opções: Enseada Geraldinho, na praia do Canto, e o Kiosque do Alemão, na Curva da Jurema”, diz.

E nada como uma dica de quem está sempre por lá, caso de Vivi Flores, moradora da capital. Ela gosta do restaurante Ilha do Caranguejo, no bairro Jardim Camburi. “As moquecas são todas muito saborosas, e há uma variedade muito grande, como a italiana com polenta, diferente e deliciosa”, afirma.

La Bella Polenta
A polenta é o reflexo mais forte da tradição culinária italiana na região --a sopa de capeletti e o risoto também estão presentes. Tanto que a tradicional Festa da Polenta, no município de Venda Nova do Imigrante, reúne multidões para desfrutar de desfiles típicos, gastronomia e música, tudo regado a elementos da cultura italiana.

Mateus Souza adicionou foto de Espírito Santo Foto 3

A Festa é um verdadeiro patrimônio do Estado, uma renovação da fé na polenta. O momento mais aguardado por todos é o Tombo da Polenta, quando um caldeirão gigante despeja polenta cremosa recém-preparada em uma forma tamanho família, que depois será usada na elaboração de produtos. Tudo ao som da animada canção “La Bella Polenta”, que ficará grudada na cabeça.

Neste ano, a festa aconteceu de 7 a 16 de outubro. A 39ª edição acontecerá em 2017, geralmente na mesma época do ano.

Panela de barro é que faz comida boa
Antes de continuar falando de pratos ou ingredientes, é bom detalhar um pouco mais a importância das panelas de barro. Primeiro, pelo sabor e textura típicos que elas conferem à comida. Depois, pela importância cultural das paneleiras de Goiabeiras, na Ilha de Vitória, onde esses instrumentos são produzidos artesanalmente. Vale a pena fazer uma visita e conhecer como as mulheres constroem os objetos --e quem sabe levar um deles para casa

Mateus Souza adicionou foto de Espírito Santo Foto 4

Voltando à comilança, também não vá embora do Espírito Santo sem antes provar a torta capixaba, preparada com frutos do mar, como siri desfiado, camarão, ostra e sururu, além de bacalhau e palmito. Se a viagem acontecer durante a Semana Santa, praticamente todas os estabelecimentos capixabas oferecem a iguaria, já que a carne vermelha é evitada na época, conforme reza a tradição católica, muito forte no Estado.

Outra influência na cultura gastronômica local são os ingredientes vindos de Minas Gerais e Bahia. De Minas, vem a saborosa canjiquinha (também conhecida como péla-égua ou quirerada). O nome varia, o sabor jamais. Para a elaboração do prato, a canjiquinha de milho é misturada com costeleta de porco. Da Bahia, o vatapá ganhou um toque regional, com menos tempero.

Festivais
Se a ideia é comer bem na viagem ao Espírito Santo, uma boa dica é se pautar pelos festivas gastronômicos do Estado. Ainda em 2016, dá tempo de aproveitar o Guriri Sabor, no badalada Balneário de Guriri, em São Mateus. São os sabores do estado à mostra, em meio a uma programação com shows, degustação às cegas, teatro de rua, literatura de cordel, dentre outras atrações. Esse ano o festival traz como diferencial os food trucks e o circuito das cervejas artesanais.

E tem muito mais no ano que vem. Confira abaixo uma lista dos festivais já programados para 2017:

IV Santa Teresa Gourmet – Abril/2017  

Santa Teresa está na região dos Imigrantes, na região serrana do Estado. O festival de rua apresenta cozinhas do Brasil inteiro.


XI Festival de Frutos do Mar de Itapemirim – Abril/2017

Itapemirim é uma cidade no litoral sul do Espírito Santo, muito procurada pela sua gastronomia e suas praias.


Festival Gastronômico Receitas de Família – Agosto/2017

O I Festival Gastronômico Receitas de Família é um concurso de culinária, voltado para as famílias de Venda Nova do Imigrante, nas Montanhas Capixabas, com o objetivo de apresentar receitas tradicionais da região.


II Itaúnas & Sabores – Setembro/2017

A vila de Itaúnas, em Conceição da Barra, última cidade do litoral norte, é famosa por suas dunas e o forró pé de serra.

Manguinhos Gourmet – Setembro/2017

Manguinhos é um balneário da cidade de Serra, que fica do lado norte de Vitória. Praias bucólicas e a gastronomia são seus pontos fortes.

Festival Capixaba de Frutos do Mar de Iriri – Outubro/2017

O balneário de Iriri, em Anchieta, fica no litoral sul capixaba. Famoso por suas diversas enseadas que formam belas praias.

Tem mais dicas da culinária capixaba? Compartilhe com a gente aqui no Dubbi!

- - - -

Se você curtiu esse texto, ficaria extremamente feliz se pudesse dar um nele aí embaixo ou compartilhar com seus amigos!

COMENTÁRIOS:

Eliane Souza

Eliane Souza comentou 2 anos atrás

Adorei o post! Bateu aquela fome rss :)

Rosimara Marinho

Rosimara Marinho comentou 2 anos atrás

Muito legal seu post Mateus. Eu sou de Guarapari no Espírito Santo e super me identifiquei. Tenho um Blog @tudoemara onde conto mais sobre o ES suas belezas. Logo logo irei escreve aqui no Dubbi sobre Guarapari que tem mais de 50 praias....além da montanha e um sítio histórico centenário.

Marina Zanchetta

Marina Zanchetta comentou 1 ano atrás

Sou bem suspeita de falar mas sou viciada nos pastéis do Bar do Ceará, que fica no bairro de Jucutuquara em Vitória. Pastelzinho de siri, camarão, feijoada e banana... Mas se você gosta de uma moquequinha de siri, é só atravessar a rua e ir para o Bar Copa 70.

Sua viagem tão sonhada planejada por um Expert de viagem

O Instaviagem.com é uma agência online especializada em planejar roteiros 100% personalizados e feitos sob medida para cada viajante. Você preenche um questionário informando todas as suas preferências e orçamento e recebe uma consultoria de um verdadeiro viajante profissional!

Veja opções de roteiros personalizados para Espírito Santo,

PLANEJAR MINHA VIAGEM

Recomendamos para você:

Viajantes também leram:

SUA VIAGEM COMEÇA AQUI

Dubbi é um novo espaço para que pessoas incríveis que amam viajar possam interagir, se ajudar e compartilhar suas histórias e dicas de viagem.

Junte-se a nossa incrível comunidade de +35.000 de viajantes experts do Dubbi.