Patagônia em 15 dias

Ola!!
Em dezembro estou pretendendo visitar a patagonia (os dois lados)
tenho 15 dias pra ficar la.
queria saber as dicas para turismo de aventura: trekking, rafting, escaladas (tem no gelo?)
recomendações de hostels ou outros tipos de hospedagem que saiam baratinhas e q sejam ok para quem vai sozinha.
Agencias por la? guias especificos para essas aventuras?
Lugares imperdiveis ?
queria fazer o trecho ushuaia, El Calafate e El Chaltén, torres del paine e se possivel passar um dia em Santiago, mas esse final é so um adendo.
E dinheiro, oq é melhor: real, peso, dolar?
para os esportes será que sai muito caro, os valores em pesos parecem muito favoraveis nas agencias que olhei na internet.
Oque me dizem?


MUITO OBRIGADA!!

Meu perfil de viagem: Aventureiro, Mochileiro, Gastronômico, Festeiro, Natureza, Fotógrafo

Responda a dúvida de caroline

Escreva a sua resposta...
RESPONDER

1 Resposta

Aldo Cruz

Aldo Cruz São Paulo

respondeu 8 meses atrás

Oi Caroline,

Fui para a Patagônia Argentina agora em fins de novembro e início de dezembro. Fiquei 18 dias por lá e meu roteiro foi: Buenos Aires, Puerto Madryn, Ushuaia, El Calafate e El Chaltén. Passei pelo menos 3 noites em cada lugar, porque gosto de viajar com tempo e me enche o saco entrar e sair de hotel, fazer e desfazer mala, ficar cuidando de horário e por ai vai. Fiz tudo por minha conta, e de avião, exceto o trecho El Calafate – El Chaltén, que fiz de ônibus super confortável, uma viagem de 3 horas em estrada ótima. Em BA me hospedei em hotel, em Puerto Madryn em hostel, em Ushuaia aluguei uma casinha pelo Airbnb e em El Calafate e El Chaltén em dois ótimos Bed and Breakfast, via Airbnb. Quanto a moeda, levei dólares e fiz o câmbio por lá.

Comprei todos os passeios pela internet, antecipadamente, e tudo correu muuuuuito bem. Os passeios não são baratos, mas são praticamente a única opção, e valeu muito a pena ter gasto a grana. Estou dizendo que foi a viagem de natureza mais espetacular que fiz na vida, e que não teve nenhum perrengue. Eu gosto de atividades ao ar livre e faço corridas. Tem algumas atividades que eu fiz, que é preciso estar em boa forma física, e admito que nem todo mundo gosta de fazer trekking de horas, subir em montanhas, fazer longas caminhadas no brejo, etc. mas eu gosto he he he ...... Fiz também programas “normais”.......

Em Puerto Madryn fiz um passeio de um dia pela Peninsula Valdez para visitar colônia de pingüins de Magalhães, colônia de leões marinhos e, a cereja do bolo, fazer avistagem de baleias franca. Fiz um outro passeio até Punta Tombo, onde existe a maior colônia de pingüins de Magalhães. Fui também a Trelew e Gaimán, pequenas cidades de colonização galesa. Esses passeios comprei na Flamenco Tour. www.flamencotour.com. Me hospedei no hostel Hi Patagônia. www.hipatagonia.com

Em Ushuaia, que é espetacular, aluguei uma casinha pelo Airbnb o que foi ótimo, pois ficava no alto da montanha e tinha uma vista espetacular. Fiz um passeio no Parque Nacional da Terra do Fogo, que tem paisagens lindas. Não pegue o tal do trem do fim do mundo. Passeio “roubada”. É uma Maria fumaça que anda a meio por hora, em um trajeto que dá pra fazer à pé e  aproveitar muito mais. Não sei se você gosta de trekking, eu gosto muito, e se gostar, reserve umas 3 horas para o parque, caso contrário, 1 hora está de bom tamanho. Recomendo usar calçado apropriado, impermeável.  No mesmo pacote turístico que comprei, incluía uma ida à Playa Larga, de onde se tem uma bela vista da cidade, uma subida de cerca de uma hora até o Glaciar  Martial, espetacular, e finalizando com uma ida a um Ice Bar, com tudo free, ou seja, bebida já paga. Foi bem legal. Comprei o passeio na Brasileiros em Ushuaia  www.brasileirosemushuaia.com

Fiz também uma navegação de dia inteiro pelo Canal de Beagle, que é muito legal pois avistam-se os animais em seu habitat natural. Passamos pela ilha dos cormorões, três ilhas de leões marinhos, farol dos eclereurs, almoçamos na Estância Herberton, e finalizamos o dia na Isla Martillo onde tem colônia de três tipos diferentes de pingüins, e de brinde ainda tinha uma foca leopardo fazendo a siesta. A volta a Ushuaia foi de ônibus. Usei a agência Piratur, www.piratour.net , que é a única que tem autorização para descer na pinguineira na Isla Martillo.

Em outro dia fui até a Lagoa Esmeralda. Espetacular. Peguei um ônibus que me deixou no início da trilha, e daí por diante é só seguir a sinalização pelo bosque até se chegar na Lagoa, que fica no pé de uma montanha de neves eternas  !

Em El Calafate fiz avistagem de aves na Laguna Nimes. O grande lance é fazer um mini trekking no Glaciar Perito Moreno. Não deixe de fazê-lo. É uma experiência única na vida. Caminha-se por cerca de 2,5 horas pela geleira, e ao final tem um brinde com whisky e gelo da geleira. Fiz pela Hielo & Aventura www.hieloyaventura.com/.

Também fiz um passeio chamado Rios de Hielo, no Parque Nacional de los Glaciares, que é uma navegação pelo Lago Argentino, em um catamarã bem grande. Nesse lago “desembocam” 4 ou 5 geleiras. No passeio a gente avista a grande geleira Upsala, uma outra que eu esqueci o nome, e termina na Geleira Spegazzini, que é fantástica, e ainda tive a sorte de ver um bloco de gelo se desprender da geleira. Fora que durante a navegação avistam-se enormes e coloridos Icebergs. Recomendo muito o passeio também. www.hieloyaventura.com/. Fiquei hospedado no Nau Bed &Breakfest, via Airbnb.

Em El Chaltén, a capital Argentina do trekking, o grande lance é fazer a caminhada até o monte Fitz Roy. É uma caminhada de cerca de 3 horas em terreno mais ou menos plano, e irregular, para fazer 9 km, depois mais uma subida de pedra de 1 hora, com 1 km. No total são cerca de 4 horas pra ir e outras 4 pra voltar, para fazer 20 km, mas o destino final  justifica plenamente. Fiquei hospedado na hosteria Alma de Patagônia, via Airbnb.

Bem, foi isso que eu fiz, e gostei muuuuuuuito. Precisando de mais informações, é só pedir.

Boa sorte no seu planejamento e

Boa viagem

Já imaginou fazer uma viagem 100% personalizada e feita sob medida para você?!

O Instaviagem.com é uma agência online especializada em criar roteiros 100% personalizados e sob medida para cada viajante. Você preenche um questionário informando todas as suas preferências e interesses e recebe uma consultoria grátis de um Especialista de viagens. Após fazer o orçamento, basta realizar o pagamento que o Instaviagem organiza toda a sua viagem do começo ao fim!

> Veja opções de pacotes de viagem 100% personalizados para Patagônia

Recomendamos para você:

Perguntas que os viajantes também leram...

Junte-se a nossa incrível comunidade de +35.000 de viajantes experts do Dubbi.