Ju Pires

 Vistos e Imigração, Transporte, Roteiro; Custos de viagem e Câmbio, Passeios e Pontos Turísticos, Curios   Itália, Roma, Roma, Veneza, Pisa, Capri, Vaticano, Pompeia

8 dias na Itália

Pessoal, boa noite!

Eu tinha planejado algumas coisas para 2017, mas devido a programação de férias da empresa, sobraram apenas 13 dias para viajar.

Meus pais sempre viajaram pelo Brasil, e um dos poucos lugares do exterior que meu pai citou em conhecer é Roma e Veneza. Por isso, me animei em organizar uma viagem com eles no segundo semestre de 2017 (meados de Setembro).

De início tinha pensado em muitas cidades, porque quanto mais a gente pesquisa, mais lugares lindos a gente quer conhecer rsrs
Mas, pensando em fazer uma viagem mais econômica e só com 13 dias de férias, acabei resumindo meu roteiro em 8 dias (tirando ida e volta), entre Roma e Veneza.
De Roma eu pensei em separar um dia para visitar os pontos turísticos da cidade e, no dia seguinte, Vaticano, Capela Sistina, Museu do Vaticano.

Nos outros 3 dias em Roma, pensei em fazer alguns "Bate e volta": Um dia em Pisa, um dia em Pompéia e outro em Capri.

No restante dos dias eu pensei em Veneza (incluindo metade do dia para deslocamento, um dia na Cidade e o ultimo dia para uma despedida de Veneza e Retorno ao Brasil).

Agora minhas perguntas:

-Vocês acham que esse roteiro está bom? Sugestões?

-Não falamos italiano...vamos ter dificuldades por lá?

- Como é quando passa pela imigração? O que eles perguntam? Eles falam outro idioma além do Italiano?

-Qual a média de gasto por dia com Alimentação?

-Soube que para não pegar filas para ver o Coliseu/Foro Romano/Palatino é só comprar o Roma Pass. Para o Vaticano tem algo parecido?

-Qual o valor mínimo de Euros que precisamos declarar?

- Será minha primeira vez na Europa. Tem algo que eu precise ficar atenta? Já li algumas coisas a respeito de assaltos em algumas regiões de roma.


Obrigada :)



Meu perfil de viagem: Mochileiro, Família, Natureza, Fotógrafo

Responda a dúvida de Ju

Escreva a sua resposta...
RESPONDER

8 Respostas

Marcia Bezerra Ramos

MELHOR RESPOSTA

Marcia Bezerra Ramos Recife

respondeu 2 anos atrás

Olá, a Itália é tudo de bom, mas um dia só para Roma acho muito corrido.

Eu só iria a Piza se estivesse em Florença, pois da para fazer tranquilo um bate e volta de trem. Mas de Roma creio que ficaria muito cansativo,

Não fui a Pompeia nem capri, por isso não posso opnar.

Eu faria assim:

1 dia para o vaticano ( o Museu é enorme)

2 dias  para Roma

3 dias em Veneza ( 1 deles para Burano, Murano)

2 dias para Florença.

Agora tem que levar em conta os deslocamentos.

Recomendo, se vc for aos Museus (Vaticano e em Florença), comprar os ingressos pelos sites com antecedência. Evita as grandes filas. 

Boa Viagem

Pó Dourado

Pó Dourado São Paulo

respondeu 2 anos atrás

Ju, o pessoal respondeu muito bem, mas também quero dar o meu pitaco rs =)

Também sou outra apaixonada pela Italia e acredito que você será mais uma quando retornar de lá! O país é realmente FANTASTICO!

Vamos lá:

Vocês acham que esse roteiro está bom? Sugestões?

Acho que você está se obrigando a fazer muito bate e voltas, e muitos deles ENROLADOS. Os trens na Italia tem fama de atrasar (eu sofri com isso...) e, por isso, evitaria deslocamentos grandes de apenas um dia...pode ser um aborrecimento desnecessário.

Eu deixaria os dias divididos entre Roma e Veneza, apenas, se você pensar em 8 noites. Dividiria em 5 noites em Roma e 3 em Veneza. O ideal, para mim, seriam umas 10 noites: 6 em Roma e 4 em Veneza ficariam perfeitos, eu acho. Lembre-se que o deslocamento entre Roma e Veneza tomará UMAS QUATRO HORAS. Uma opção legal para quebrar esta longa viagem seria uma parada em Florença ou Bologna. Ambas cidades são incríveis, acho que você pode ler um pouco sobre ambas para decidir melhor...eu mesma não conseguiria!

Se quiser ler um pouco sobre Veneza - e pq eu acho que ela merece mais do que poucas noites, dá uma olhada no meu post: http://www.dubbi.com.br/blog/13-dicas-para-voce-curtir-veneza-sem-nenhum-stress

Deixe para decidir bate e voltas para quando estiver lá....mas duas opções boas seriam Orvieto (a partir de Roma) e Murano/Burano (a partir de Veneza).


-Não falamos italiano...vamos ter dificuldades por lá?

que nada! va bene, va bene! Fui sem falar quase nada, mas sugiro fazer um curso básico pela internet, só para aprender o mínimo. É sempre legal e vocês serão muito melhor recebidos. Os italianos podem ter fama de grosseiros, mas eu não passei por nenhum perrengue do tipo e acho que muito foi por tentar me comunicar (PORCAMENTE) em italiano. Chegar numa padaria pedindo coisas em inglês ou falando portugues sem se esforçar é realmente feio...não custa tentar o básico e rapidamente o ouvido acostuma.

- Como é quando passa pela imigração? O que eles perguntam? Eles falam outro idioma além do Italiano?

Não fiz imigração na Italia, mas acho que é o padrão: quantos dias, onde está hospedado, quando volta, tem cartão de crédito. E nunca vi uma imigração que os funcionários não falassem ingles.

-Qual a média de gasto por dia com Alimentação?

Depende da sua fome =))))

Você consegue almoçar/jantar por uns 20 euros (com vinho), comer um panini com uns 5 euros, uma taça de vinho entre 3/5 euros. Gelatos variam entre 2/3 euros, café entre 1/2 euros, uma pizza fica entre 7/10 euros. Tudo depende de onde você for, mas dá para comer e beber MUITO bem sem passar aperto, viu.


- Será minha primeira vez na Europa. Tem algo que eu precise ficar atenta? Já li algumas coisas a respeito de assaltos em algumas regiões de roma.

Não estive em Roma, mas acredito que não seja violenta assim....Assaltos, quando ocorrem, são batedores de carteira no máximo. Não tem mão armada, sequestro, etc. Minha sugestão é ficar atenta a carteira em lugares muvucados (o pessoal é bem mão leve) e ficar esperta nas regiões das estações de trem à noite, mas não é nada de outro mundo não. Quanto a Veneza, achei MEGA segura, mesmo sendo super vazia/escura.

Deca  Vieira

Deca  Vieira JUNDIAI SP

respondeu 2 anos atrás

Ola. Entao pelo numero de dias eh apertado conhecer varios lugares. As vezes vale mais a pena conhecer bem algumas cidades do q ir em muitas e nao conhecer quase nada. Pisa da pra fazer bate volta. Eu incluiria Florenca no roteiro pq eh linda. Quanto a imigracao as 3x q estive la sempre foi tranquilo alias em toda europa tirando Reino Unido que sao muito mas muito chatos. Ja fiquei 5h na imigracao de Londres. Alimentacao sempre calculo 50euros por dia. Uns dias gasto mais outro menos equilibra. Importante seguro q eles exigem ’Schengen’ na imigracao podem pedir nunca me pediram mas como eh exigencia eh sempre bom ter. Os italianos sao muito receptivos e vcs nao terao.problemas em se comunicar. O ingles eh bem falado por la tb e qdo nao a famosa mimica resolve kkkk A cidade mais famosa de assaltos por la eh Napoli mas acredito q nao estara no roteiro de vcs pois eh bem ao sul. Qto a Capri reservem mais dinheiro pois eh tudo muito caro por la.

Eliana Piassi

Eliana Piassi

respondeu 2 anos atrás

Olá Ju...não sei se vc já fechou o roteiro. O pessoal deu muitas dicas legais.

Roma, Veneza, Florença....tudo de bom

Uma dica: cuidado com os trens e os binários (plataformas). chegue bem antes e não aceite orientações  de quem vc não solicitou. Há pessoas que percebem que vc está perdida e se aproveitam da situação. Na dúvida procure pelos policiais (carabinieri) que lhe orientarão. Quase caí numa situação difícil, eles que me salvaram.

Não permita que niguém pegue sua mala e lhe ajude a colocar no trem ( a não ser que seja uma gentileza muita explicita). Há pessoas( homens e mulheres) que às vezes se paroximam e já vão pegando sua mala e levando para o trem. Depois lhe cobram por isso e não gostam se vc der apenas1 euro...rs

Não sei se vc conhece, há um site com muitas dicas legais também....dê uma olhada:

http://www.viajenaviagem.com/destino/romahttp://www.viajenaviagem.com/destino/roma

Aproveite muito... boa viagem!

sérgio giorni

sérgio giorni Belo Horizonte

respondeu 2 anos atrás

Achei o roteiro apertado, pois só Roma já mereceria mais tempo, pois é uma das cidades mais belas, com mais obras de arte ao céu aberto que conheci. Estive lá três vezes e só não fui mais por falta de oportunidade. Acho até que Pisa caberia, mas o que tem lá de interessante é a torre tombada. Também trocaria por Florença, tranquilamente, mas aí o tempo pode ficar curto. Tenho programado viagens para Itália por região, pois assim como o Brasil, o país é muito lindo e rico em história. Portanto, se você achar pertinente faça este primeiro giro em apenas 2 ou três cidades e planeje as próximas para por exemplo: Cinque Terre com Toscana; Costa Amalfitana com Nápoles e Capri, etc.

A comunicação é super tranquila. O italiano nos entende melhor do que nós a eles. É mais ou menos o que ocorre do português com o espanhol. E fala-se muito o inglês.

Valor diário para refeição depende muito do seu nível, lógico. O meu padrão é baixo, e normalmente reservo no máximo 40 euros por dia (sempre sobra). Mas uso muito o esquema de fazer apenas uma refeição ao dia. O resto complemento com o café da manhã de hotel, quando tem, e com as compras de lanche em supermercados.

Na imigração, tirando a cara de b... que todos tem é tranquilo. Nunca declarei nada de dinheiro. Normalmente, perguntam quantos dias você vai ficar, qual o motivo da viagem, olham para a sua cara, pro passaporte e caribam.

Setembro já é mais tranquilo para ir no Coliseu/Forum Romano. Eu comprei lá mesmo. Fila no Vaticano também não é tão problemática se você tiver paciência, pois anda rápido. Agora a visita à Capela Cistina é que é o problema. Para ser sincero, eu não consegui conhecê-la. Meus amigos de viagem conseguiram porque foram lá pelas 6 da manhã (não acordo esta hora nunca ...). 

Ah, e quanto ao seguro ’Schengen’ é o que a Deca disse mesmo. Atualmente, como compro as passagens pelo cartão de crédito, solicito à operadora para me enviar a apólice. Mas só tem direito pelo cartão o titular e seus dependentes (pai, filho, marido, mulher, relação estável, etc).

No mais, boa viagem. Foi para Itália também em setembro, mas só que mais ao Sul. Devo descer em Roma- matar a saudade...

Roberta Giordano

Roberta Giordano São Paulo

respondeu 2 anos atrás

Olá..eu sou apaixonada pela Itália, já fui diversas vezes e ainda preteno ir mais inúmeras..rsrs. Vou tentar te ajudar um pouco , baseado em como eu viajo e veja o que daria para aproveitar:

-Vocês acham que esse roteiro está bom? Sugestões?: Eu tentaria não tornar a viagem uma maratona, não sei a idade dos seus pais ,mas quanto mais deslocamentos , mais cansativo fica. Eu optaria ficar somente em Roma e Veneza. E usufruir intensamente cada uma, coisas a ver a fazer não irão faltar. Roma é uma cidade cheia de encantos, história, tudo alí é mágico, tem muitos bares, café, docerias, sorveterias, galerias, museus..etc..E ainda tem o Vaticano que consome um dia completo dependo que que quiser ver..Veneza é menor , mas também é cheia de pequenas surpresas...

-Não falamos italiano...vamos ter dificuldades por lá?: Os italianos tem fama de grossos..rsrs Mas não é assim , é apenas o jeito de ser , costumam ser solicitos e e estão acostumadíssimos com o turismo. Dá para se virar sim, mas eu sempre aconselho ao menos o básico do básico (por favor, obrigado, onde fica etc...).

- Como é quando passa pela imigração? O que eles perguntam? Eles falam outro idioma além do Italiano?: A imigração na Itália é tranquila, o importante é sempre estar com tudo em ordem (seguro, hospedagem, passagens).. vá tranquila. Eles falam o inglês, e sempre tem alguém no espanhol, e já ví muitos arriscarem algumas palavras em português...Não falar o idioma não será um problema.


-Qual a média de gasto por dia com Alimentação?: Olha 50euros/dia/pessoa dá e sobra. Come-se bem..basta fugir dos restaurantes turisticos.

-Soube que para não pegar filas para ver o Coliseu/Foro Romano/Palatino é só comprar o Roma Pass. Para o Vaticano tem algo parecido? : Dá uma olhada no site do Vaticano, tem inumeras opções de ingressos, modelos e horários.

-Qual o valor mínimo de Euros que precisamos declarar? Faça uma média de 60euros/dia pessoa, mas não menos que 550/euros por pessoa independente da quantidade de dias. Lembrado que não precisa ser tudo em espécie, podendo levar em travel money, cartões de crédito e débito ( levano extratos para comprovação de limites). 

- Será minha primeira vez na Europa. Tem algo que eu precise ficar atenta? Já li algumas coisas a respeito de assaltos em algumas regiões de roma.: Na europa como um todo vc deve ficar atenta aos famosos  pickpockets (batedores de carteira), eles não te assaltam a mão armada, nem usam de violência..apenas se aproveitam da distração dos turistas para surrupiar nossos bens. então fique sempe de olho nos seus pertences. Eu sempre fujo de qualquer estranho que venha me oferecer quaquer coisa, gente que começa a te rondar.  

Raffaella Rossetto

Raffaella Rossetto

respondeu 2 anos atrás

Olha a Italia é toda linda, e tem muita coisa pra ver. Um dia em Roma é pouquíssimo. O museu Vaticano é fantástico porem enorme. Tem que andar muito. Considere a idade de teus pais. É super cansativo, mas vale a pena. Pompéia é incrível, mas precisa de um dia todo só pra ela. Tem que andar muito em meio às ruinas. Considere novamente a idade de teus pais. De trem de Roma voce pode ir a Florença e de Florença de carro, em um dia voce poderia fazer Pisa, San Giminiano e Siena, incriveis cidades medievais em meio à paisagens lindíssimas. De trem de Florença sugiro voce ir dormir em Verona ou Padova, conhecer essas cidades e de lá ir de trem pra Venezia, fazendo bate e volta. O hotel é bem mais barato e vc conhece essas cidades lindas tambem. Acabei de voltar de lá. Come-se muito bem em praticamente qualquer lugar na Italia. Paguei cerca de 50 E por dia. Não deixe de tomar sorvete italiano. O melhor! 

Ana Natividade

Ana Natividade

respondeu 2 anos atrás

Ju 

Conrcordo com a Márcia 1 dia em Roma é pouco para mim 3 dias é super legal. Venez não conheço Florença é tudo de bom e com muitas cidades perto que são demais, com Pisa, San Giminiano, Siena entre outras. Boa viagem e divirta-se

Já imaginou fazer uma viagem 100% personalizada e feita sob medida para você?!

O Instaviagem.com é uma agência online especializada em criar roteiros 100% personalizados e sob medida para cada viajante. Você preenche um questionário informando todas as suas preferências e interesses e recebe uma consultoria grátis de um Especialista de viagens. Após fazer o orçamento, basta realizar o pagamento que o Instaviagem organiza toda a sua viagem do começo ao fim!

Responda a dúvida de Ju

Escreva a sua resposta...
RESPONDER

Recomendamos para você:

Perguntas que os viajantes também leram...

Junte-se a nossa incrível comunidade de +35.000 de viajantes experts do Dubbi.