Sobre Ser Sustentável Viajando de Avião


  Brasil, Europa, Ásia Oriental  1269 visualizações

Já ouviu falar dos efeitos sobre mudanças climáticas e a indústria aérea? Pois se não, vamos falar um pouco sobre o assunto.

A indústria aérea é responsável por 2% das emissões de Co2 produzidas por atividades humanas no nosso mundão lindo e maravilhoso, sabia? E no geral, o impacto por quilômetro viajado por pessoa em um avião, é maior do que as viagens de carros e trem.

Mas eu Não Quero Parar de Viajar de Avião!

Polyana Oliveira adicionou foto de Brasil,Europa,Ásia Oriental Foto 1

 

É claro que não vamos deixar de viajar de avião, afinal, somos viajantes ávidos, que precisam desse meio de transporte para chegar nos destinos mais que legais ao redor do mundo. Por isso, busquei alguns dados, e vou passar algumas das minhas próprias dicas para bolar uma estratégia de diminuir o nosso impacto em nossas viagens aéreas.

  • Viaje mais perto de casa. Ok, isso vai contra a sua pergunta. Mas pense bem. Se você consegue pegar um carro ou ônibus para a praia, precisa mesmo voar pro outro lado do país pra pegar uma praia no feriado? Experimente também viajar em sua própria cidade ou região! Eu trabalho muito com turistas estrangeiros que vêm para o Brasil, e eu fico com vergonha, porque eles acabam me dando dicas de coisas para fazer por aqui.
  • Pegue voos diretos. Assim você também encurta a viagem e a quantidade de Co2 emitido, né? Ah, mas o que tem escala de 30 horas em Dubai para chegar na África do Sul é muito mais barata. Mas é mesmo? Quando for buscar preços de passagens, procure entender se todas as taxas estão naquele voo baratíssimo de várias escalas que você encontrou. Utilize comparadores de passagens aéreas que já mostram o valor final da passagem, para não se sentir enganado no final da compra. Outra dica é, comprar com uma agência. O agente de viagem vai conseguir te passar os valores finais na hora, e conseguem escolher combinações de diferentes companhias aéreas e voos diretos para uma mesma viagem, o que os sites de vendas nem sempre fazem.
  • Aquela reunião presencial é realmente necessária? Viajar à trabalho e pontes aéreas diárias para fazer reuniões parece ser super luxuoso e eficiente. Mas quando for marcar uma viagem à trabalho, porque não tentar resolver por Skype antes? Se o Skype não resolver, aí sim, se deixa viajar.

Polyana Oliveira adicionou foto de Brasil,Europa,Ásia Oriental Foto 2

  • Quando possível, utilize outros meios de transporte. Trens e ônibus são menos estressante ao meio ambiente, mas demoram mais e por isso acabamos preferindo os aviões, certo? Bom eu diria que depende do trecho. Vou dá um exemplo. Eu moro em São Paulo, e viajo muito para o interior de Minas, para visitar a minha família. O ônibus direto demora 17 horas miseráveis pelas estradas perigosas mineiras. Existem voos para a minha cidade, sempre com escala em Belo Horizonte, mas faz tempo que não busco esta opção. O que eu aprendi a fazer, ao invés de caçar passagens baratas, é pegar um ônibus ou avião para Belo Horizonte ou Vitória. De lá, passeio pelas cidades, visito amigos e familiares, e depois pego o trem da Vale para a minha cidade. O tempo de viagem mesmo, é uma média entre o avião e o ônibus, e eu consigo curtir mais a paisagem, e pessoas queridas. Além de tudo, cortei as minhas emissões Co2 pela metade.
  • Faça uma viagem mais demorada. Aí sim, você viu vantagem, né? Se possível, utilize as suas férias para passar mais tempo em um destino, do que ficar pulando de um para o outro, ou tirar várias férias mais curtas ao longo do ano. Minimizando o número de trechos voados nos ajuda a poluir menos também.
  • Voe na classe econômica. Quando não ter recursos para a primeira classe é vantajoso. Aqui a ideia é simples. O espaço tomado na primeira classe por pessoa é maior, e mais pesado. Ou seja, voar na classe econômica quer dizer que você está produzindo menos emissões de Co2 por pessoa, do que nas classes mais confortáveis. Pense que está espremido, mas pelo menos está viajando com menos culpa! No caso das companhias aéreas “low cost”, ao invés de xiar sobre a cobrança de bagagem, lembre que este avião está carregando mais pessoas e menos peso no bagageiro, então viajar com menos, é mais sustentável do que uma viagem mais luxuosa também.

Polyana Oliveira adicionou foto de Brasil,Europa,Ásia Oriental Foto 3

  • Não exagere na bagagem. Mais uma conta simples. Um avião mais leve, quer dizer um avião que queima menos combustível. Quando for fazer sua mala (ou aquela compra na gringa), pensa se realmente precisa daquele peso a mais na mala!
  • Doe para empresas que cuidam do meio ambiente. Muitas companhias aéreas estão começando a fazer isso, pedindo a doação no checkout da compra. Ou nos seu destino, busque operadoras e guias que trabalham com sustentabilidade.

No final das contas, pense que quanto mais nós viajarmos de avião com conscência, menos turbulência teremos em nossas vidas e futuro. Literalmente

Vocês têm outras ideias? Coloque nos comentários! 

- - - -

Se você curtiu esse texto, ficaria extremamente feliz se pudesse dar um nele aí embaixo ou compartilhar com seus amigos!

COMENTÁRIOS:

Sua viagem tão sonhada planejada por um Expert de viagem

O Instaviagem.com é uma agência online especializada em planejar roteiros 100% personalizados e feitos sob medida para cada viajante. Você preenche um questionário informando todas as suas preferências e orçamento e recebe uma consultoria de um verdadeiro viajante profissional!

Veja opções de roteiros personalizados para Brasil, Europa, Ásia Oriental,

PLANEJAR MINHA VIAGEM

Recomendamos para você:

Viajantes também leram:

SUA VIAGEM COMEÇA AQUI

Dubbi é um novo espaço para que pessoas incríveis que amam viajar possam interagir, se ajudar e compartilhar suas histórias e dicas de viagem.

Junte-se a nossa incrível comunidade de +35.000 de viajantes experts do Dubbi.