O que fazer em Teresópolis (RJ)


  Teresópolis  1978 visualizações

Ouvimos falar muito da região serrana do Rio de Janeiro por causa da seleção brasileira. É em Teresópolis que fica a Granja Comary, centro de treinamento da amarelinha. Pelas imagens da televisão, é possível ver, ao fundo, o pico Dedo de Deus, cartão-postal da cidade.

DUBBI  adicionou foto de Teresópolis Foto 1

Há muito o que fazer em Teresópolis, seja em meio a natureza ou na parte urbana, para curtir o clima de cidade montanhosa. Confira algumas dicas e coloque na lista de próximos destinos!

Parque Nacional da Serra dos Órgãos
É ele que abriga o Dedo de Deus, pico de quase 1.700 metros de altitude. É de impressionar como todo o contorno parece uma mão, com o dedo indicador levantado para cima. Nada mais justo homenagear o Criador com o nome. O pico é um marco da escalada no Brasil, pois é considerado o primeiro que se tornou oficial para esse fim. Recomenda-se, no entanto, uma prévia experiência, visto que possui um elevado grau de exigência tanto na subida quanto na descida.

DUBBI  adicionou foto de Teresópolis Foto 2

Mas fique tranquilo que o Parque Nacional da Serra dos Órgãos guarda ainda muito mais opções do que fazer em Teresópolis, não se restringindo ao Dedo de Deus. Criado em 1939, é o terceiro parque mais antigo do país, e tem três sedes: Petrópolis, Guapimirim e Teresópolis, sendo esta última a que oferece maior acesso aos turistas. 

Um dos motivos pelos quais o parque sempre se destacou é a enorme quantidade de trilhas. São mais de 200 km delas, em todos os níveis de dificuldade. Muitas trilhas dão em belas cachoeiras ou então em deliciosas piscinas naturais. A mais pesada de todas é a Travessia Petrópolis-Teresópolis, em seus mais de 30 km. Vai encarar? (Fica a dica: mesmo se você não for amante de esportes radicais, vale uma visita ao parque para ficar tranquilo, só respirando natureza).

DUBBI  adicionou foto de Teresópolis Foto 3

Mirante do Soberbo
Há muito o que fazer em Teresópolis, como ainda veremos. Mas se o viajante não fizer uma pausa estratégica no Mirante do Soberbo (ou Mirante da Vista Soberba), no trevo de acesso, é como se não tivesse visitado a cidade de Teresa (o nome, aliás, é em homenagem à imperatriz brasileira Teresa Cristina). Os adjetivos superlativos e de grandeza expressam o verdadeiro sentimento em admirar a paisagem. Além do onipresente Dedo de Deus (é do Soberbo onde se tem uma das melhores vistas do pico), ainda dá para enxergar longe, muito longe. Estamos falando da baía de Guanabara e de Niterói!

Mirante da Colina
Ou Colina do Mirante, como também é conhecido. O nome pode variar, mas a beleza da vista do mirante, não. Além de ver serras até onde o horizonte (ou a cadeia rochosa) permitir, com destaque para o Parque Nacional da Serra dos Órgãos, é do Mirante da Colina que o viajante poderá observar com clareza, lá do alto, toda a parte urbana da cidade. Acho que quem procura o que fazer em Teresópolis já entendeu o recado: a natureza domina.  

DUBBI  adicionou foto de Teresópolis Foto 4

AraBotanica
Se você ouvir alguém se referir como Orquidário Aranda, não se preocupe: trata-se do mesmo lugar, é apenas o antigo nome. O orquidário é queridinho dos teresopolitanos. O local já criou mais de 400 espécies de orquídeas, sendo uma das mais famosas a “orquídea sapatinho”, que lembra um calçado de bebê.

DUBBI  adicionou foto de Teresópolis Foto 5

Mas engana-se quem pensa que só dá orquídeas por lá. Também dispõe para o público uma grande variedade de plantas ornamentais, antúrios, begônias, campânulas e bromélias. O local promove o Passeio das Flores, uma caminhada ecológica de 350 metros pela mata atlântica. No Pavilhão de Exposição há mostra das orquídeas premiadas, com plantas de toda parte do mundo, ambientadas em um paisagismo ideal para tirar muitas fotos.

Feirarte
Toda cidade tem uma feirinha, mas na cidade fluminense ela é parte integrante da cultura e uma das principais opções do que fazer em Teresópolis. É uma das maiores feiras permanentes de artesanato ao ar livre do Brasil. Vende de tudo um pouco: madeira, vime, emborrachado, flores, bijuterias, pinturas, cerâmicas, bordado, tricô. Sem contar as barracas de alimentação e espaço para eventos. Importante: tudo a preços bons (e negociáveis).

DUBBI  adicionou foto de Teresópolis Foto 6

Serviço: sábados, domingos e feriados, das 10h às 18h, na praça Higino da Silveira, no Bairro Alto.

Vila St. Gallen
Uma autêntica vila germânica. Este é o conceito (que deu muito certo) da Vila St. Gallen, um espaço da cervejaria Sankt Gallen, responsável pela produção da famosa cerveja Therezópolis. O espaço é composto por oito ambientes diferentes, em que cada um oferece uma experiência cervejeira diferente, sendo o coração exatamente a Cervejaria Sankt Gallen. Há restaurantes que servem pratos típicos alemães. Uma delícia! Merece entrar na lista do que fazer em Teresópolis. A entrada é gratuita.

DUBBI  adicionou foto de Teresópolis Foto 7

De um espaço para outro, o visitante passa por ruelas e casinhas no estilo europeu. Até mesmo uma capela existe em uma delas. Aos apaixonados por cervejas, uma boa notícia: o local também faz uma “imersão” na cultura cervejeira, com visitas guiadas para conhecer a história da bebida, e também o modo de produção, os ingredientes, processos de cozimento e maturação da bebida. Para os ainda mais interessados tem até cursos de teoria e prática, de um dia de duração, que fornece certificado para Cervejeiro Artesanal. Aí sim vimos vantagem!

Granja Comary
Abrimos o texto com ela, e não podíamos deixar de fora, afinal é uma das atrações mais conhecidas do que fazer em Teresópolis. Quando a seleção brasileira está instalada, muita gente vai para a cidade somente para prestigiar os jogadores. É preciso, no entanto, entender como funciona a visitação. O local fica dentro de um condomínio residencial fechado. Para sorte dos amantes do futebol, é autorizada a entrada a pé de qualquer um. Como já seria de se imaginar, não é possível entrar na CBF em si, mas dá para ver a sede no final da pista. Os campos ficam separados por grades (às vezes, alguns tapumes são colocados, quando o treinador não quer que o treino seja observado para evitar que o adversário conheça a escalação e as jogadas táticas).

DUBBI  adicionou foto de Teresópolis Foto 8

Do outro lado da pista, está o belíssimo Lago Comary (também muito frequente na televisão), um lago artificial mantido pelos moradores do condomínio. Ideal para um piquenique, com gansos e outras aves sendo companheiros. A visitação é gratuita e pode ser feita nos finais de semana.

Petrópolis
Um bate-volta para o viajante que vai ficar mais dias é conhecer a vizinha Petrópolis. Confira aqui o que fazer por lá. 

Conhece mais dicas do que fazer em Teresópolis? Deixe nos comentários e inspire viajantes!

 

- - - -

Se você curtiu esse texto, ficaria extremamente feliz se pudesse dar um nele aí embaixo ou compartilhar com seus amigos!

COMENTÁRIOS:

Suely Leal

Suely Leal comentou 3 anos atrás

Ótimo post! Adoro essa região! Para quem é trilheiro vai encontrar várias opções no PARNASO (Parque Nacional da Serra dos Órgãos) , sendo a mais completa a travessia Petrópolis-Teresópolis.

Sua viagem tão sonhada planejada por um Expert de viagem

O Instaviagem.com é uma agência online especializada em planejar roteiros 100% personalizados e feitos sob medida para cada viajante. Você preenche um questionário informando todas as suas preferências e orçamento e recebe uma consultoria de um verdadeiro viajante profissional!

Veja opções de roteiros personalizados para Teresópolis,

PLANEJAR MINHA VIAGEM

Recomendamos para você:

Viajantes também leram:

SUA VIAGEM COMEÇA AQUI

Dubbi é um novo espaço para que pessoas incríveis que amam viajar possam interagir, se ajudar e compartilhar suas histórias e dicas de viagem.

Junte-se a nossa incrível comunidade de +35.000 de viajantes experts do Dubbi.