Daniela

 Passeios e Pontos Turísticos   Lima

Viajar Sozinha é legal?

Olá...!Meu nome é Daniela, tenho 24 anos, e sempre gostei de conhecer lugares diferentes, pessoas diferentes, meu maior sonho por enquanto é ir para o Peru.
Uma amiga minha ia porém se casou e resolvi ir sozinha, a minha pergunta é, não sei falar nada em espanhol ,mas acredito que se vou conseguir me virar lá,alguém aqui pode me dar um conselho, os conselhos que eu tenho é não vá só, espere um pouco, eu não tenho nenhum lugar em mente, por enquanto só penso em Machu Pìcchu por enquanto, aceito ideias de outros lugares.!

Att.

Daniela

Meu perfil de viagem: Mochileiro, Caçador de Artes e Design, Caçador de Artes e Design, Historiador, Religioso, Religioso, Natureza, Fotógrafo

Responda a dúvida de Daniela

Escreva a sua resposta...
RESPONDER

25 Respostas

Dennis Carlotti

MELHOR RESPOSTA

Dennis Carlotti São Paulo

respondeu 3 anos atrás

Boa tarde Dani,

ir viajar sozinho é muito bom na parte de você escolher seu roteiro, ir aonde quiser sem se preocupar se o(s) outro(s) vão querer ir também, se tem interesse.. Além do horário, saber se ta cansado, se quer dormir, se quer comer.. Não precisa conciliar vontade de mais pessoas o que as vezes gera estresse na viagem e/ou conflito entre as pessoas..

Outra parte boa é que você se obriga a conhecer novas pessoas, conversar, trocar ideias.. Além de se conhecer mais, saber seus limites, pensar em tudo que tem que pensar sozinha, refletir, aprender mais sobre você, sobre o que realmente gosta e o que não gosta, do que pode aguentar e tem interesse em encarar e o que não..

Muita gente vai sem saber outra língua! As dicas são basicamente, aprender o basico de como se pedir algo com educação sem ser muito formal, só isso, e estude um pouquinho do que você pode querer, cerveja, almoco, lanche! Tenha ideia de passeios que possa querer fazer por la, mas voce consegue ver fotos, ilustrações e simplificar mostrando o que você deseja.. Com cardápio tambem! Tenha um tradutor no celular, ou tablet sempre junto contigo.. Assim vc consegue tirar alguma duvida mais complicada, ou falar algo dificil, mas é sossegado, você vai ver.. Sempre nos viramos bem haha.. pode levar um dicionario tbm, mas eh mais simples o cel ou tablet!

Preste atenção nas pessoas ao redor e repare o que elas falam pra aquele tipo de coisa, banheiro, onde é, como ir, essas coisas.. De uma lida no básico que ja ajuda!

aproveite muito e depois de beber algumas você vai se dar conta de que é fluente em 3/4 línguas hahahahahah!

Sugestão de destinos para você ir sozinha, Buenos Aires sem dúvida, Costa Rica, Montevideo, Europa em geral é uma boa opção mais pra frente..

Espero ter ajudado, boa sorte!

Beijos =)

Jeannie Klein

Jeannie Klein Brasília

respondeu 3 anos atrás

Daniela,

Fiz minhaprimeira viagem sozinha em 2008 para a Europa - 27 dias. Foi magnifico, Foi revelador. Foi transformador. Meu inglês é basico (quase intermediário) e a cada país que eu visitava tentava aprender algumas palavras no idioma local - acho gentil da parte de um viajante tentar se comunicar no idioma local.

Minhas amigas na época me chamavam de louca/corajosa. Não me via assim. Penso que entre viajar sozinha e não viajar, fico com a primeira opção.

Naquela época a internet nos celulares é insignificante. Os smarthphones ficavam restritos aos mais endinheirados.

Aproveite! Encontre-se e Divirta-se viajando sozinha!!

Rebeca Youssef

Rebeca Youssef São Paulo

respondeu 3 anos atrás

Oi Daniela! 

Viajei sozinha pela primeira vez esse ano, fiquei um mês na Bahia. Dá bastante friozinho na barriga sim, mas é uma experiência incrível! 

Para se sentir mais segura, você pode pesquisar bastante como chegar nos lugares que precisa, ir com tudo anotadinho em papel para não depender de internet, prints de mapas ou um app offline. 

Claro que precisamos tomar alguns cuidados, ainda mais por sermos mulheres. Evitava andar sozinha a noite, principalmente se não estava familiarizada com o local, por exemplo. 

Mas ó, o que importa é você se sentir bem fazendo isso! Você vai ver que tem muita gente que viaja sozinha por aí, eu mesma conheci muitas pessoas. O legal de se hospedar em hostel é que o contato com a galera fica mais fácil, dá pra conhecer bastante gente. 

A sensação de liberdade é única! Você pode fazer o que quer, na hora que achar melhor, e vai ver que a sua própria companhia pode ser maravilhosa. Depois de passar pelos medinhos sozinha, me senti muito mais corajosa e independente. 

Aprendi muito sobre mim e recomendo bastante :)

Fernando Ceron

Fernando Ceron São Paulo

respondeu 3 anos atrás

Daniela,

Espero poder te ajudar de outra forma, não sobre o lugar, mas sobre como se virar.

Vou lhe passar um pouco de uma experiencia que pessoal.

Em 2011, tive a primeira viagem pra europa. Meu ingles é sofrivel. Estava indo pra Paris, uma semana.

Com uns 2 meses estudei com guias o basico pra não ficar isolado, porém, com o tempo me liguei na quantidade de aplicativos que existem sobre linguas, tradutores, dicionarios, etc.

Então, se voce estiver um pouco insegura, de uma estudada no basico da lingua, baixe uns tradutores off line no celular, tablet, monte um mini roteiro do que quer visitar na localidade destino.

Assim, voce estará mais segura nas atitudes.

Mas, a turma foi bem relax com voce. Em cidades turisticas dos nossos paises vizinhos, eles entendem o portugues / portunhol.

Basta manter a calma.

Abçs

Fernando

Heitor M. Corrêa

Heitor M. Corrêa Rio de Janeiro

respondeu 3 anos atrás

Oi, Daniela,

Eu fui ao Peru sozinho no mês passado. Falo espanhol, então foi tranquilo, mas acho que você consegue se virar bem com um portunhol, até porque é cheio de brasileiros lá. O povo peruano é super gentil e atencioso.

Seria interessante pegar tours em grupo pros lugares turísticos, assim você não fica sozinha.

Eu fui a Lima, Arequipa e Cusco.

Carla Patrícia

Carla Patrícia Fortaleza

respondeu 3 anos atrás

Tenho 27 e comecei a viajar sozinha aos 15 anos (com agência de turismo e autorização por escrito dos meus pais, reconhecida pelo Juizado de Menores). Tenho sorte de ter tido esse incentivo tão cedo dentro da minha própria casa. Já viajei a lugares inóspitos como Laos, Vietnã e Camboja sozinha e não, nunca me aconteceu nada de ruim. Vá, perca-se e volte com as melhores histórias. É a sua vida, não tenha medo de vivê-lá! 

Patricia Kameda

Patricia Kameda São José dos Campos

respondeu 3 anos atrás

Oi Daniela, 

Eu sempre gostei de viajar sozinha, acho que eu me aostumei a gostar da minha própria companhia, rsrs, mas durante a viagem é dificil andar sozinha, pq vc encontra muitas pessoas que estão viajando, faz novas amizades, pessoas que dão dicas de lugares que já foram. Isso é ótimo para novas amizades.

Viajar sozinha requer cuidados, como qualquer outra. Eu sempre ando com as minhas coisas, nunca peço para olharem para mim enquanto faço outra coisa, sou um pouco desconfiada qto a isso. Eu sempre pergunto no hostel como é a segurança do local, se é ok andar de noite, evito lugares escuros.

Viajar sozinha foi um divisor na minha vida, eu aprendi ser mais segura, independente, comunicativa. Na minha primeira viagem eu tinha 16 anos e fui para os EUA, qdo fiz 17 anos fui sozinha para a Inglaterra, e nunca mais parei. rsrsrs. Volto de uma viagem planejando na próxima. 

Organize sua viagem, planeje os lugares que vc quer conhecer, tenha algo pré definido, isso te ajuda a ter mais segurança para viajar.

Rosana Oliveira

Rosana Oliveira Cerquilho

respondeu 3 anos atrás

Daniela, na primeira viagem sozinha, no começo da um frio na barriga sim, medos e duvidas vem a cabeça,mas ai depois é como se vc estivesse em casa, acaba se enturmando com as pessoas e o idioma vai na mímica e no seu caso portunhol é de boa.... não perca a viagem pq não tem com quem ir, vc ira conhecer muita gente pelo caminho e vai querer fazer mais vezes.... aproveite...

Relatos de Viagem  - Laís

Relatos de Viagem  - Laís Florianópolis

respondeu 3 anos atrás

Daniela,

Aproveite a oportunidade, sem dúvidas a experiência será boa.. Você passa a observar melhor as pessoas e porventura faz bons amigos..

Quanto à lingua, procure estudar um pouco antes de ir, tem alguns guias básicos na internet que podem te ajudar bastante.. mas certamente esse não será um grande problema.

Carolina Pian de Moura

Carolina Pian de Moura São Paulo

respondeu 3 anos atrás

Dani,

Vai tranqüila, fiz várias viagens sozinhas e falo muito mal o inglês e nao tenho noção nenhuma de espanhol....rsrss

As pessoas adoram ajudar os turistas.

A dica que te dou é a seguinte: 

Tente conseguir um mapa do local para onde você vai e com ele você traça todo os lugares que pretende conhecer, descobre a forma (metro, ônibus, a pé,taxi) que pretende chegar do seu hotel até o local. 

Veja na internet como funciona e qt custa os bilhetes de transporte público na cidade q ira.

Sempre que sair do hotel, leve com vc um cartão com o tel e endereço do hotel, pois se vc se perder e não conseguir falar o nome ou o endereço do hotel p ninguém, basta mostrar o cartão, normalmente as pessoas entendem q vc ta perdida e te apontam p a direção correta.

Tente fazer a reserva dos hotéis ainda aqui no Brasil p vc não perder tempo e não ser enganada com os valorss cobrados

Espero ter ajudado e vá tranqüila, já fui p vários lugares ( Europa, África, Argentina, EUA) assim é nunca deu nada de errado.

O segredo é planejar a viagem, cada dia.

Boa viagem

Aline Andrade

Aline Andrade São Bernardo do Campo

respondeu 3 anos atrás

Olá Dani, tudo bem??

Eu sempre viajo sozinha porque quase nunca tem alguem de férias no mesmo mês que eu... rsrsrs é claro que companhia sempre é bem vinda mas como amo viajar não deixo de ir só porque não tenho ninguem para me acompanhar... rsrsrs mas procuro lugares que me tragam mais segurança e passeios em agencias conhecer pessoas rs Já fui para a Espanha, Ushuaia e Maceió e já fiz até um cruzeiro de 07 dias sozinha... Super recomendo e não vai ter problema se quiser ir em um lugar e a pessoa não...rs se tá com vontade vai! Se quer dormir até mais tarde também... rsrs

O importante é não deixar de viajar por isso!!

Bjs

RUTECN

RUTECN  campo grande

respondeu 3 anos atrás

Oi, Daniela,

Que bom que quer encarar a viagem ao Peru sozinha! É um ótimo lugar para se aventurar e iniciar suas andanças quando falta companhia. 

Estive lá há dois anos com uma amiga, mas vi que dá muito bem pra se virar sozinha. O povo é simpático e nem precisei lançar mão do meu rudimentar espanhol porque a gente se entendia muito bem, tanto os guias quanto eu. É, a gente precisa de guia pelo menos para conhecer os Vales Sagrados de Cusco. Macchu Pichu e Santiago não. Por isso, faça seus planos. Se for contratar o guia pros vales, entre nos sites de Cusco e contrate diretamente com eles e não por empresas brasileiras, que sai mais caro. 

Verdade! Frio na barriga só quando estiver tomando sua Cusqueña num boteco por lá, rss. E você não vai querer mais parar de conhecer o mundo depois.

Um abraço.

Leidiane Isaias

Leidiane Isaias São Paulo

respondeu 3 anos atrás

Olá, já viajei bastante sozinha e em alguns lugares eu não tinha domínio da língua, confesso que passei alguns perrengues, mas nada demais... Foram oportunidades únicas em que conheci novas pessoas, lugares, experiências e novos conhecimentos... No começo da viagem pode ser que vc estranhe um pouco, na minha primeira viagem sozinha confesso que por algumas horas quis desistir, mas acabei conhecendo um pessoal, inclusive hoje uma das minhas melhores amigas... Ela já tinha experiência de viajar sozinha eu era a primeira vez... Minha dica é ficar calma e traquila e ao procurar hospedagem de uma olhada nas recomendações... Tenho vontade de ir para o Peru mas ainda não consegui um tempinho, mas se for acho que ainda acabo indo só... em Hostel vc acaba encontrando uma galera que tbem está sozinha e acaba programando passeios... Observe bastante o local e as pessoas, se não sentir segurança procure auxílio ou orientação mas não deixe de viajar, é incrível... Sensação de liberdade, aprendizado... Experiência única... 

Bruna Cavalcanti

Bruna Cavalcanti Taubaté

respondeu 3 anos atrás

Daniela, tudo bem?

Fiz minha primeira viagem completamente sozinha esse ano, para Florianópolis.

Ok, estava no Brasil e não precisei gastar o Espanhol que não tenho.

Porém digo com toda a certeza: vá.

Quando fiz meu intercâmbio em 2011 para Londres eu fui fazer um curso com minha amiga. Como nossos níveis de inglês eram diferentes, acabamos caindo em turmas diferentes, ou seja, nossos horários eram também diferentes. Haviam dias que eu tinha que esperá-la 1, 2h e nesse período eu aproveitei para explorar a cidade sozinha. Sim, sem mal saber inglês direito fui com a cara e a coragem e, para mim, foi maravilhoso poder ter contato com a cultura local e, de quebra, melhorar minha conversação.

O lado ruim é que, em muitos momentos, você quer conversar, comentar sobre as coisas legais que está vivenciando (mesmo eu que não gosto muito de conversar hahaha). Mas, por outro lado, você pode montar seus próprios horários, montar seu próprio roteiro, fazer as coisas que você acha mais interessante...

Eu também já fui pra Santiago sem saber nem buenos dias e não morri de fome, acho que você vai se virar bem lá hahaha (dica: tem um minidicionário que tem expressões mais comumente usadas em espanhol traduzidas para o português. Quebra um galhão).

Murilo Pagani

Murilo Pagani Jundiaí

respondeu 3 anos atrás

Viajar sozinho é demaisssss Daniela!!!

hahahahaha

Se você estiver afim de conhecer outras pessoas durante a trip recomendo que faça couchsurfing ou que se hospede-se em hostel!

Tem um post lá no meu blog que fala extamente disso!

Meus 11 melhores conselhos para quem vai viajar sozinho

Lá também tem muitas outras dicas de lugares pela América Latina!

Da uma olhadinha se te interessar!

http://www.voltologo.net/

Abraço

Tiago Imperatori

Tiago Imperatori Lajeado

respondeu 3 anos atrás

Daniela, viajar sozinha é uma das experiências mais incríveis da Vida de qlqr pessoa que se permita a desbravar o mundo.

Independentemente de ser homem ou mulher o receio é natural, mas a recompensa depois é muito gratificante por poder olhar pra trás e ver o quanto vc cresceu, aprendeu, se divertiu e soube lidar com tudo o que acontecia no dia a dia da viagem.

São lições pra vida. Acredite.

Sobre a língua: não saber falar é algo que faz diferença, mas para dstinos assim, onde é possível compreender o básico, eu arriscaria.

Vá em frente! hehe

Abraços,

Tiago

Ludmylla De Santana Vieira

Ludmylla De Santana Vieira Goiânia

respondeu 2 anos atrás

Daniela, fiz minha primeira viagem sozinha ao 36 anos e foi a melhor experiência que já tive. Fiz vários amigos brasileiros, pois eles estão em toda parte. Quanto ao idioma, no Peru os atendentes se esforçam para te compreender e muitos falam português, mas é importante que vc aprenda ao menos o básico de espanhol para viagens. Já estive em Machu Picchu e o que achei mais caro de lá foi a passagem de trem de Cuzco a Águas Calientes, mas a comida e os passeios achei bem em conta. Além disso, tem vários hostels, com hospedagem mais barata, que vc pode encontrar no booking.com ou hostelsworld.com.

Marcia Bezerra Ramos

Marcia Bezerra Ramos Recife

respondeu 3 anos atrás

Olá, Daniela

Recomendo com relação a sua programação. Se tiver tempo não se limite a Macchu Picchu. Claro é a cereja do bolo, mas o Peru tem muito mais. Cusco, Ilhas Uros e Taquile, Linhas de Nazca, Paracas e Lima.

Não  sei como está a situação do Canion del Colca, pois recentemente houve um terremoto por lá. mas se for possível, acrescente esse lindo lugar.

Priscila Mattos

Priscila Mattos São Paulo

respondeu 3 anos atrás

Oi Dani! tudo bom?

Minha primeira viagem sozinha ao exterior foi há 5 anos, fui para Cusco, e não falava nada (absolutamente nada) de Inglês ou espanhol, e nem tinha grana pra aprender algo antes da viagem... E foi o início das melhores coisas da minha vida. Desde então, conheço mais de 20 países. :) 

Viajar sozinha é uma descoberta fascinante, você percebe que a comunicação vai muito além de se falar uma lingua estrangeira, que as amizades podem ir muito além do que a amiga de infancia, que aqueles relacionamentos que deixaram marcas profundas viraram apenas uma lembrança engraçada, que aqueles problemas corriqueiros, na verdade podem ser esquecidos com mais facilidade.

Posso estar romantizando tudo isso, mas Dani, foi o que aconteceu comigo. Viajar sozinha transforma! Viajar com amigos é maravilhoso, mas acredite, nunca será com viajar sozinho, e acredito que seja algo que deve ser feito pelo menos 2 vezes na visa. Por que duas? a primeira é pra vc perder os medos, e a segunda e pra se entregar desde o início, e as próximas vêm pra acrescentar boas memórias e otimos aprendizados.  

Não se preocupe com a lingua, sério. Essa parte de não saber é até legal, fora que você acaba aprendendo bastante também. 

Procure se hospedar em Hostel, lá terá a oportunidade de conhecer muita gente legal, fazer passeios juntos, conversar sobre a vida, dar boas risadas e beber até cair (minha parte preferida, confesso rs).

Se você for mesmo para Cusco, fique no hostel Pariwana ou Wild rover, são os hostels festeiros que são proximos a plaza de armas (local cheio de agencias de tours, barzinhos e baladinhas). O Loki é demais também, mas é uma super ladeira, um pouco mais longe... prefiro sempre ficar do lado do fervo rs.

Se for fazer alguma trilha até Machu Picchu, tem inumeras opções, eu fui 2 vezes, e fiz a Salkantay e a Jungle Trek, compre as trilhas lá mesmo, se comprar antes por aqui será pelo menos o dobro do preço e lá você acaba conhecendo muita gente legal e quem sabe farão a trilha juntos :)

se tiver alguma duvida é só perguntar! um bjo

Roberta Fernandes

Roberta Fernandes São Paulo

respondeu 3 anos atrás

Oi Daniela!

Minha primeira viagem sozinha tbm foi para o Peru :)

O país é maravilhoso e tem mta coisa legal além de Machu Picchu (fiquei louca para decidir meu roteiro hehe).

Além da capital Lima e Cuzco, dá uma googlada sobre Arequipa, Puno e as ilhas do lago Titicaca, Deserto de Ica e reserva nacional de Paracas.

Escrevi sobre alguns desses lugares no meu blog: https://buenaondablog.wordpress.com/category/peru/

Vc com certeza vai conhecer mtas outras chicas que tbm estão viajando solas. 

Viajar sozinho é demais, se cuida e se joga!

Boa viagem :)

Caram Marcelo

Caram Marcelo Rio de Janeiro

respondeu 3 anos atrás

Marcia Bezerra Ramos

Marcia Bezerra Ramos Recife

respondeu 3 anos atrás

Olá Daniela. Não sei se você já decidiu a ir sozinha.

Mas não se preocupe em viajar dessa forma, principalmente para Peru, Bolívia ou qualquer outro país de língua espanhola sem saber o idioma.

Eu conheço o básico do espanhol e quando fui a primeira vez sozinha e para a Patagônia, não sabia nada.  Fiquei 23 dias e o idioma que mais ouvi ,além do espanhol, foi inglês, que o meu  também é péssimo.

De la para cá já fui  varias vezes pela América do Sul e também central, e cada vez aprendo mais. Não se preocupe, é so ter cuidados na sua segurança(aliás, nós brasileiros(as) tiramos de letra neste quesito, né?).

Já viajei pela França e Itália, falando português e mímica, sem problemas.

Flaviane Moraes

Flaviane Moraes Jundiaí

respondeu 3 anos atrás

Boa noite Daniela!

Dos países que fui de língua espanhola, o Peru foi onde mais me virei com o portunhol....rs E eu os adorei, são muito hospitaleiros.

Bom, fiz um roteiro através de pesquisas pela internet, e depois de ir até Lima, ficar dois dias lá, fomos de ônibus pela Cruz Del Sur, que é confortável, até Ica no oásis de Huacachina, lugar fantástico. Foram 4 horas de viagem, mas valeu a pena.

Depois seguimos viagem com a Cruz Del Sur para Arequipa, a cidade branca, encantadora....linda e de gastronomia divina. Porém, aproximadamente 11 hs dentro do ônibus, mas viajamos a noite e conseguimos dormir um pouco.

De Arequipa seguimos para Puno onde só fiquei algumas horas para poder caminhar pelas ilhas flutuantes no lago titicaca, recomendadíssimo.

De Puno até Cusco pela Cruz Del Sur mais umas seis horas de viagem.

De de Cusco até Águas Calientes de trem....que viagem maravilhosa.

Para chegar até Machu Picchu você segue de ônibus e é perto.

Dá uma olhada no meu blog, tem até Cusco. 

O Peru é maravilhoso, quero voltar lá, e conhecer novas cidades.

http://totravel.wixsite.com/beholder-pt

Iara Schiavon

Iara Schiavon Ouro Preto

respondeu 3 anos atrás

Olá Daniela,

Eu fui pro Machu Picchu sem falar nada de espanhol e não tive problema nenhum, até conseguimos barganhar nos preços da subida pra conhecer a famosa cidade perdida, e até achar um mecânico para colocar um retrovisor no nosso carro (roubaram o retrovisor enquanto deixamos o carro estacionado no centro para procurar um hotel).

Dica: não estacionar o carro em qualquer lugar haha

Claudio Lima

Claudio Lima Guarulhos, São Paulo, Brasil

respondeu 3 anos atrás

Nunca viajei sozinho e perdi muitas oportunidades de viajar e conhecer lugares novos. Boa sua pergunta Daniela e muito bom ler relatos de viajantes que tiveram essa experiência.

Já imaginou fazer uma viagem 100% personalizada e feita sob medida para você?!

O Instaviagem.com é uma agência online especializada em criar roteiros 100% personalizados e sob medida para cada viajante. Você preenche um questionário informando todas as suas preferências e interesses e recebe uma consultoria grátis de um Especialista de viagens. Após fazer o orçamento, basta realizar o pagamento que o Instaviagem organiza toda a sua viagem do começo ao fim!

Responda a dúvida de Daniela

Escreva a sua resposta...
RESPONDER

Recomendamos para você:

Perguntas que os viajantes também leram...

Junte-se a nossa incrível comunidade de +35.000 de viajantes experts do Dubbi.